quarta-feira, 15 de março de 2017

QUANTA FALTA ELA NOS FAZ.......Rosália de Sousa Lima



Ela coloriu meu mundo, feito borboleta partiu nas asas dos anjos, transformando cada canto da terra numa metamorfose de cores.
Em cada canto um encanto e encantou-se, transfigurou-se na essência da mais aromática rosa, flor-perfume exalando sua fragrância nas fibras do coração e CORAÇÃO É TERRA QUE NINGUÉM ANDA menino,  só os anjos pisam lá, eles deixam rastros, marcas, profundas marcas que nos trazem doces recordações do belo e eterno voar das borboletas que traçam suas rotas nas almas dos pobres mortais....    ...só as mães não morrem, nunca......elas viram estrelas, clareando o infinito do Céu, guiando os caminhos Santos que nos levam a eternidade......











terça-feira, 14 de março de 2017

PORQUE ELAS CRESCEM?...................www.joaodesousalima.blogspot.com



     Entre meus sonhos mais íntimos e egocêntricos, eu queria que elas nunca crescessem.
Stéfany e Letícia deviam permanecer eternamente crianças, embalando nossas brincadeiras mais puras. Em puríssimas almas acomodar vocês em efígies que não se desfiguram no tempo.
Nossos sonhos de eternas crianças nunca deveriam esbarrar no crescimento da idade.
Filhos deviam ser eternamente crianças refletidas nos corações indulgentes.
Quando meu coração cansado das batalhas da vida se aninha procurando o acalanto e o repouso necessitado, me conforto na mais ingênua lembrança que trago das filhas que tanto amo.




QUANDO FILMAMOS SOBRE A VIDA DO CANGACEIRO GATO - www.joaodesousalima.blogspot.com



    Um dos maiores projetos  de minha vida foi produzir um filme sem ser cineasta de formação.
 do projeto a realização um longo caminho foi trilhado e vários amigos foram importantes para a concretização do trabalho.
desde a 1ª Cia. de Infantaria que deu todo suporte com veículos e material, passando pelo departamento de cultura de Paulo Afonso, o Jeep Clube, Jornal Folha Sertaneja, , os cinegrafistas Jardel Menezes e Izael de Jesus, os atores Jackson, Almério Mel, Adriano,  Maurício Mendes, Cícero, o apoio de Haroldo Magno, Luciano Moura, Rafael da candeeiro Iluminação, Cristiane Guimarães, João Bosco e tantos outros.
o filme retratou uma passagem do cangaceiro Gato, índio da Tribo Pankararé, que assassinou vários membros de sua família.

para adquirir o filme:
75-988074138
joaoarquivo44@bol.com.br